Quanto investir no Google Ads?
13 de dezembro de 2018
Marketing digital. Sua comunicação é eficaz?
10 de janeiro de 2019

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

‘Então é Natal e o que você fez’, faz, vem fazendo para manter a demanda que chega na sua empresa nesta época do ano?

Sabemos que empreender, é saltar e montar seu paraquedas no ar, mas temos que tentar minimizar riscos para que esta aventura não seja tão perigosa.

Analiso o comportamento dos empresários e sempre que me chamam para um bate-papo informal ou uma reunião de consultoria a pergunta clássica é: o que preciso fazer para atrair mais clientes para meu negócio? Acredito que a pergunta ideal seria: o que preciso fazer para manter meus clientes e atendê-los ao longo do ano? A corrida por novos clientes é muito cara e arriscada, manter os que já conquistou não.

Em uma data comemorativa, vejo uma preparação para vender naquela época, não percebo dos empreendedores uma preocupação real em tornar estes clientes fiéis à organização.

Datas comemorativas como Natal, Páscoa, Dia das Mães, Dia dos Pais, São João e Carnaval, são datas fortes para diversos segmentos e movimentam muito o mercado. O que gostaria de levar a reflexão é: e depois destas datas, o que precisa ser feito?

Muitas são as possibilidades, mas uma sugestão simples, bastante discutida, mas efetivamente pouco usada é cadastrar os clientes que visitaram sua empresa coletando dados estratégicos e, tentar manter contato com eles ao longo do ano.

Algumas instituições basicamente quando usam estes dados, resumem a manutenção deste contato enviando mensagens sobre novas promoções. A proposta é de estreitar a relação e não de disparar spam*. Realizar eventos, encontros presenciais ou bate-papo online, com temas que sejam percebidos como realmente interessante e importante para seu público, pode ser uma alternativa.

Um exemplo para melhor entendimento é se você tem uma loja de roupa feminina e fez bastante cadastro durante o Natal, diante das respostas passadas pelas clientes, analisem aquelas que têm perfil e que gostaria de participar de um encontro com blogueiras para dar dicas de moda e tendências para o Verão. Este encontro seria realizado dentro da sua loja e claro, as peças dadas como exemplo, seriam as suas.

Uma outra possibilidade agora para salão de beleza, é chamar as clientes para um curso de auto maquiagem. Caso seja um restaurante, selecionar os que são potenciais e formadores de opinião, convidar para aprender a fazer um dos pratos de maior sucesso do menu e além disso, mostrar a possibilidade e estrutura que seu restaurante tem de realizar eventos corporativos, encontros e festas em geral.

Estamos na era do marketing de conteúdo, oferecer informações, dicas, conhecimento, como forma de estreitar a relação com seu cliente, pode ser uma das maneiras de se aproximar e torná-lo fiel ao seu negócio.

Experimente fazer isso ao longo de um ano e analise quais resultados conseguiu atingir. Estas dicas não inviabilizam a possibilidade de investimentos para novos clientes, apenas tem a intenção de reduzir custos e buscar aquele que já é seu cliente e muitas vezes só precisa de uma ligação para voltar a comprar com você.

Bons negócios!

 

Priscyla Caldas

priscyla@exitomarketing.com.br

 

* Spam: O termo Spam pode ser um acrônimo derivado da expressão em inglês “Sending and Posting Advertisement in Mass”, traduzido em português “Enviar e Postar Publicidade em Massa”, ou também Stupid Pointless Annoying Messages que significa mensagem ridícula, sem propósito, e irritante. (Wikipédia)